Agenda Municipal / Exposições O Vazio Desenhava desde Sempre — diálogos interartísticos II

Até 31 Jul
Programa Casa das Artes


Casa das Artes

Obras de Constança Araújo Amador | A partir de poemas de Sophia de Mello Breyner Andresen

A exposição reúne obras em série, como exercício intermedial e ecfrástico em espelho: o verso e o seu reverso imagético. Uma forma de invocar a invisibilidade e o lugar imanente, da palavra obstinada à dimensão do olhar, como eco que se abre à atenção sobre as coisas. Do mecanismo da ilustração da poesia de Sophia de Mello Breyner Andresen, traça-se um círculo contínuo, a poesia desdobra-se e formam-se novos versos, escritos pela artista: derivações e uma vontade de um fazer-se-ser poema contínuo.


437 leituras