Juventude Festival de Cinema Jovem de Famalicão com inscrições abertas até 7 de outubroAtualidade Mercado Artesanal - Anima-te 2021Economia Aposta de crescimento da Pafil faz-se em FamalicãoEducação Biblioteca Municipal e Associação EDUPA criam parceriaEducação Secretário de Estado da Educação no Ciclo de Conferências de FamalicãoDesporto Piscinas Municipais retomam horários dos serviços de regime livre e escolas de nataçãoAmbiente Cortes no abastecimento de águaCultura e Turismo Famalicenses assistiram a mais de 50 horas de programação cultural online Economia Serviço de entrega de refeições representou volume de negócios de um milhão de eurosFreguesias União das freguesias de Seide em ritmo de obrasCultura e Turismo Famalicão dá pontapé de saída para a 7.ª edição do YmotionAmbiente Pateiras de Fradelos não avançam para Paisagem ProtegidaAtualidade Loja do Cidadão de Famalicão vai ser uma realidade Freguesias Zona central de Gavião ganha nova imagem com requalificação do adro da IgrejaEducação Universidade do Minho consolida-se em FamalicãoCultura e Turismo Miguel Araújo e Zé Amaro nas Antoninas possíveisEducação Conferência "Ensino Profissional: Uma Opção de Futuro"Cultura e Turismo Rojões são a iguaria eleita para os próximos Dias à MesaAtualidade Câmara de Famalicão abre candidaturas aos Selos Visão’25Cultura e Turismo O “Discurso Silencioso” de Jorge Pinheiro na Ala da FrenteCultura e Turismo Candidaturas ao Prémio de História Alberto Sampaio decorrem até 31 de maio
O SEU LUGAR

Residentes / Balcão Virtual
Avisos e Editais

Presidência

EDITAL Nº 59/2021

Para o cumprimento do disposto no artigo 147.º do Regulamento Municipal da Urbanização e Edificação, torna-se público que foram aprovadas as seguintes denominações toponímicas:
 - Travessa Monte do Alvito, na Freguesia de Ribeirão;
 - Rua Quinta de Pereira, na União das Freguesias de Esmeriz e Cabeçudos;
 - Rua Lindorfo da Silva Peixoto, na União das Freguesias de Esmeriz e Cabeçudos;
 - Travessa Lindorfo da Silva Peixoto, na União das Freguesias de Esmeriz e Cabeçudos;
 - Rua Nossa Senhora da Conceição, na União das Freguesias de Esmeriz e Cabeçudos;
 - Rua da Floresta, na União das Freguesias de Ruivães e Novais;
 - Travessa do Areal, na União das Freguesias de Ruivães e Novais.

Vila Nova de Famalicão, 7 de abril de 2021.
O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL
(Paulo Cunha, Dr.)

EDITAL Nº 56/2021

Despacho – proibição temporária para a realização de
queimas e queimadas - 31/03/2021

DR. PAULO ALEXANDRE MATOS CUNHA, PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE VILA NOVA DE FAMALICÃO:

TORNA PÚBLICO que, considerando a informação disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera, prevê-se continuação de tempo quente e seco, com temperaturas acima da média e humidade relativa baixa, sendo expectável a manutenção dos Índices de risco de incêndio, com tendência para agravamento amanhã.
FACE AO EXPOSTO, PROPÕE-SE:
A proibição da realização de queimas e queimadas (previstas no nº 1 e n. º2 do artigo 28 do Decreto-Lei n.º 14/2019, de 21 de janeiro) no dia 31/03/2021.
Para constar se lavrou o presente edital e outros de igual teor que vão ser afixados nos lugares do costume e no sítio oficial do município na internet em www.famalicao.pt.

Vila Nova de Famalicão, 30 de março de 2021
O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL
(Paulo Cunha, Dr.)

EDITAL Nº 14/2021

DR. PAULO ALEXANDRE MATOS CUNHA, PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE VILA NOVA DE FAMALICÃO:
TORNA PÚBLICO QUE, nos termos do nº 4 do artigo 40º da Lei nº 75/2013, de 12 de setembro, as próximas reuniões ordinárias, da Câmara Municipal, realizar-se-ão por videoconferência, nos dias 4 e 18 de fevereiro de 2021 (quinta-feira), pelas 10h30.

Para constar se lavrou o presente Edital e outros de igual teor, que vão ser afixados nos lugares do costume e no sítio oficial do Município na Internet em www.famalicao.pt

Vila Nova de Famalicão, 19 de janeiro de 2021,
O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL,

(Paulo Cunha, Dr.)

Edital Nº 206/2020

Para o cumprimento do disposto no artigo 147.º do Regulamento Municipal da Urbanização e Edificação, torna-se público que foram aprovadas as seguintes denominações toponímicas:
- Denominação da Travessa Sagrado Coração de Jesus, na União das Freguesias de Antas e Abade de Vermoim;
- Denominação da Travessa da Forcada, na Freguesia de Pedome;
- Denominação da Rua Alto Vila do Maior, na União das Freguesias de Vale São Cosme, Telhado e Portela;
- Denominação da Rua Alto do Bolo, na União das Freguesias de Vale São Cosme, Telhado e Portela;
- Denominação da Rua da Caravela, na União das Freguesias de Vale São Cosme, Telhado e Portela;
- Denominação da Travessa da União, na União das Freguesias de Vila Nova de Famalicão e Calendário;
- Denominação da Rua José Augusto Carvalho e Sá, na União das Freguesias de Vila Nova de Famalicão e Calendário;
- Prolongamento da Rua José Oliveira Mendes, na União das Freguesias de Vila Nova de Famalicão e Calendário;
- Denominação da Travessa José Oliveira Mendes, na União das Freguesias de Vila Nova de Famalicão e Calendário.

Vila Nova de Famalicão, 27 de outubro de 2020.
O Presidente da Câmara Municipal,
(Paulo Cunha, Dr.)

Edital Nº 131/2020

Paulo Alexandre Matos Cunha, Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, nos termos e para os efeitos do artigo 56° da Lei nº 75/2013, de 12 de setembro, na sua redação atual, torna público o seu despacho de adenda à delegação e subdelegação de competências no Sr. Vice-Presidente da Câmara Municipal e Vereador do Pelouro dos Assuntos Jurídicos e do Contencioso, Ricardo Jorge Costa Mendes, documento que se reproduz de seguida e que deste edital faz parte integrante.

Para constar se lavrou o presente edital, que será divulgado nos locais habituais desta autarquia.

Despacho de Delegação e Subdelegação de Competências - ver documento »

Vila Nova de Famalicão, 16 de julho de 2020.

O Presidente da Câmara Municipal,
(Paulo Cunha, Dr.)

Despacho

Assunto: Medidas excecionais e temporárias no âmbito da infeção epidemiológica COVID-19, a adotar pelo Município de Vila Nova de Famalicão

Atendendo à emergência de saúde pública de âmbito internacional, declarada pela Organização Mundial de Saúde, no dia 30 de janeiro de 2020, bem como à classificação do vírus como uma pandemia, no dia 11 de março de 2020, importa acautelar, estrategicamente, no concelho de Vila Nova de Famalicão, a previsão de normas de contingência para prevenção, contenção e mitigação da epidemia COVID-19.
A situação excecional que se vive no momento atual e a proliferação de casos registados de contágio exige a aplicação de medidas extraordinárias e de caráter urgente.
Neste sentido, importa, adotar mecanismos que permitam, de forma atempada e responsável, assegurar a disponibilidade de produtos essenciais num quadro de uma generalizada e acrescida procura destes produtos num contexto de diminuição de produção e de constrangimentos à circulação dos bens.
Tendo em conta o estado de prontidão das forças e serviços de segurança e de todos os agentes de proteção civil, com reforço de meios para eventuais operações de apoio na área da saúde pública.
Atentos os constrangimentos por que todos estamos a passar, é indispensável a tomada de medidas urgentes e imprescindíveis, nomeadamente ao nível do acesso e do funcionamento dos serviços, equipamentos públicos e da utilização dos espaços públicos.
Impõe-se ainda a promoção de medidas que aumentem o distanciamento social preconizado pela Direção Geral de saúde e demais autoridades competentes.
Neste pressuposto, sendo indispensável a adoção de medidas de restrição ao nível da realização da feira semanal e do funcionamento do Mercado Municipal, bem como do funcionamento de equipamentos do domínio municipal concessionados, tais como lojas, bares, quiosques e outros estabelecimentos similares, impõe-se que este Município promova as medidas necessárias no âmbito das suas competências territoriais.
Neste contexto, em face das restrições e medidas impostas neste setor, que causarão inevitáveis prejuízos, urge também tomar, desde já, medidas de compensação desses inevitáveis prejuízos, de modo a aliviar de alguma forma o peso das medidas que lhes vierem a ser impostas, até porque estamos perante a ocorrência de circunstâncias excecionais por cuja ocorrência não são responsáveis.
Assim, como medidas excecionais, para além da decisão de suspensão da realização da Feira Municipal e do Mercado Provisório Municipal, com exceção do comércio de bens alimentares,
DETERMINO o seguinte:
1) A imediata proibição de realização de queimas e queimadas no Concelho;
2) O encerramento de todas as esplanadas em funcionamento no Concelho, devendo as mesmas ser obrigatoriamente recolhidas, com efeitos imediatos.
Divulgue-se.

Vila Nova de Famalicão, 20 de março de 2020
O Presidente da Câmara Municipal,
(Paulo Cunha, Dr.)