O SEU LUGAR
Educação

"O Meu Projeto é Empreendedor" premiou criatividade dos alunos do ensino profissional

20-11-2023

Um blister tecnológico para preparação individual de medicação, um sistema pneumático para redução de volume de latas, um projeto para implementação de um sistema de recolha de beatas de cigarro - interligado e que premeia os utilizadores com descontos no comércio tradicional - e a confeção de rissóis de chila com pedaços de amêndoa, foram os projetos vencedores do concurso “O meu projeto é empreendedor”, destinado aos alunos finalistas dos cursos profissionais da Rede Local de Educação e Formação de Vila Nova de Famalicão.

O programa “O meu projeto é empreendedor” é promovido pela Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão e tem como objetivo fomentar o empreendedorismo, criatividade e inovação. As ideias patentes nos 23 projetos avaliados são resultado do trabalho desenvolvido por alunos de diferentes escolas profissionais, no âmbito das Provas de Aptidão Profissional (PAP).

“São jovens que ousaram desenvolver as suas ideias, materializando-as nestes projetos que foram apresentados (…) representam um conjunto de soluções muito interessantes e inovadoras, que poderão transformar-se em negócio”, referiu o Presidente da Câmara Municipal, Mário Passos, na sua visita à exposição dos trabalhos a concurso.

“O ensino profissional não deve ser assumido como uma escolha secundária, pois é uma formação muito valorizada e que muito contribui para a competitividade do território”, destacou o edil.

“Quando pensamos no desenvolvimento da ideia, fizemo-lo com o objetivo de demonstrar que é possível reutilizar mais e melhor, de forma simples” explicou André Mendes, aluno do Curso Técnico de Manutenção Industrial da Escola Padre Benjamim Salgado, em Joane, sobre o seu projeto que consistia num sistema pneumático para redução do volume de latas.

Os vencedores de cada uma das quatro categorias a concurso - agroalimentar, indústria, tecnologia e comércio e serviços - levaram para casa um prémio no valor de mil euros, atribuído pelas empresas e entidades parceiras da iniciativa “O meu projeto é empreendedor”, como a Continental, Louropel, Ceve, ParTTeam e Grupo Primor.

2105 leituras