Economia A Praça já abriu na InternetAtualidade Famalicão celebra 25 de Abril com sessão solene onlineEconomia Famalicão lidera investimento industrial na regiãoSaúde Paulo Cunha em ciclo de conferências da CESPUAtualidade Comércio da Vila é o novo “centro comercial” de FamalicãoDesporto Famalicão sensibiliza para a ética no desportoEducação Câmara avança com obras de remodelação e ampliação na pré-primária de BairroEconomia Temos Praça!Câmara Reunião Municipal de 04/03 com transmissão em diretoMobilidade Está aberta ao público a Via Ciclo Pedonal entre Famalicão e GondifelosFreguesias Ampliação e modernização do cemitério de Gondifelos honra a memória de quem parteCâmara Município promove webinnar sobre utilização do novo balcão de atendimento digitalMobilidade Reativada a utilização do Passe Sénior FelizCultura e Turismo Famalicão chama jovens músicos para estágio em orquestraMobilidade Câmara e ACP promovem ciclo de formação sobre educação e segurança rodoviáriaCâmara Apoios para fixar jovens e premiar bombeiros voluntários Atualidade Câmara de Famalicão abre candidaturas aos Selos Visão’25Cultura e Turismo O “Discurso Silencioso” de Jorge Pinheiro na Ala da FrenteDesporto Famalicão lança plano para a retoma da atividade físicaCOVID-19 Centro de Vacinação Covid 19 de Famalicão já vacinou mais de 14 mil pessoasEducação Famalicão conclui processo de remoção de fibrocimento nas escolas do concelhoCâmara Famalicão prevê conclusão do PDM em 2022Cultura e Turismo Candidaturas ao Prémio de História Alberto Sampaio decorrem até 31 de maio
O SEU LUGAR

Gabinete de Apoio ao Emigrante

Divisão de Planeamento Estratégico, Economia e Internacionalização

Praça Álavro Marques
4764-502 V. N. Famalicão

T. 252 320 940
F. 252 377 110
E. gae@famalicao.pt

O Gabinete de Apoio ao Emigrante (GAE) resulta do Acordo de Cooperação entre a Direção Geral dos Assuntos Consulares e Comunidades Portuguesas (DGACCP) e o Município de Vila Nova de Famalicão e têm como destinatários os portugueses que estão emigrados, aqueles que já regressaram, assim como todos os cidadãos que pretendam iniciar um processo migratório.

O GAE está habilitados a tratar de assuntos de segurança social, equivalência de estudos, investimentos, duplas-tributações, pedidos de colocação no estrangeiro, informação jurídica geral e aconselhamento para quem queira emigrar.

Objetivos

1. Criação de uma estrutura de apoio aos munícipes que tenham estado emigrados, que se encontrem em vias de regresso ou que ainda residam nos países de acolhimento.

2. Resposta às questões inerentes ao regresso e reinserção em todas as suas vertentes: social, jurídica, económica, investimento, emprego, estudos, etc.

3. Dinamização das potencialidades económicas dos concelhos junto das comunidades portuguesas, através do acesso a bases de dados onde estão registados 120.000 empresários /empresas portugueses (as) espalhados (as) pelo mundo.

4. Apoio aos emigrantes em matérias da competência da câmara municipal: licenças de obras, licenciamentos para comércio ou indústria, projetos, etc...