Pesquisar
 
 
 
 
Alterar tamanho do texto
Educação e Ambiente
Famalicão entre os finalistas ao prémio Manuel António da Mota e TSF-Rádio Notícias
    05-09-2019
    A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão está entre as dez instituições finalistas ao Prémio Manuel António da Mota e TSF-Rádio Notícias, atribuído no âmbito do desenvolvimento sustentável.
    O município apresentou a sua candidatura ao prémio com o projeto “Escola Circular”, que tem como objetivo aquecer as escolas do concelho através de pellets, gerados a partir dos resíduos florestais. O projeto-piloto foi implementado no ano letivo 2018/2019, no Jardim-de-Infância de Requião, sendo alargado, este ano, ao jardim-de-infância de Mouquim e prevendo-se, em breve, a sua execução no Jardim-de-Infância de Cabeçudos. O objetivo é que o projeto seja alargado a todo o concelho.

    “Por um Portugal Sustentável” é o tema deste ano do Prémio Manuel António da Mota, que visa distinguir instituições, com sede em Portugal, que desenvolvam projetos em território nacional nos domínios dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) visando a concretização das suas metas. O prémio já vai na sua décima edição .

    O presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha, vê “com muita satisfação a seleção de Vila Nova de Famalicão entre as candidaturas finalistas” e destaca as mais valias deste projeto. “Escolhemos desenvolver este projeto-piloto numa escola, porque queremos dar o exemplo às novas gerações e através delas chegar às famílias e a todos os famalicenses”.

    “Com este projeto, conseguimos mostrar ao país que não é preciso grandes intervenções nacionais ou internacionais para protegermos o ambiente e reduzirmos a pegada ecológica, podemos fazê-lo localmente através de medidas simples e gestos do quotidiano”.

    Para já, em Vila Nova de Famalicão, os radiadores que aquecem, no inverno, os jardins-de-infância de Requião e Mouquim serão alimentados, com pellets produzidos a partir do material vegetal resultante da limpeza de terrenos e matas do concelho, uma nova fonte de energia.

    Através da recolha de sobrantes do material vegetal decorrente da limpeza da floresta e terrenos, efetuada pelos serviços municipais, a empresa famalicense Tec Pellets produz os pellets que são depois empregues na alimentação das caldeiras de aquecimento das escolas, proporcionando conforto e bem-estar às crianças, poupando o ambiente e os encargos financeiros do município. Só no caso do Jardim de Infância de Requião, a câmara poupa seis mil euros por ano. Por cada 12,5 toneladas de resíduos fornecidos pela câmara, a empresa compromete-se a entregar uma tonelada de pellets, “assim de uma forma simples, sem mais nenhuma contrapartida, num circulo fechado de economia que se cria e se completa dentro do município”, acrescenta Paulo Cunha. A estimativa é que cada escola tenha um consumo anual de cerca de três toneladas de pellets.

    A fonte de energia utilizada até agora no jardim-de-infância de Requião era o gás propano, mas depois de uma avaria na caldeira, a autarquia viu a oportunidade e decidiu adquirir uma caldeira adaptada para pellets, através de um investimento de cerca de 4 mil euros, que permitiu iniciar o projeto de economia circular.

    O Jardim-de-Infância de Mouquim recebe já, neste ano letivo 2019/2020 este tipo de aquecimento e, à medida que haja necessidade de renovar as caldeiras de aquecimento, outras escolas serão aquecidas de forma totalmente ecológica, com custos perto do zero.

    Para além de Vila Nova de Famalicão, estão entre os finalistas do Manuel António da Mota e TSF - Rádio Notícias as seguintes instituições: - Associação para a Inserção por Centros Digitais de Informação (CDI Portugal); Associação de Apoio à Inclusão de Imigrantes e Refugiados; Associação de Solidariedade e Ação Social de Santo Tirso; Associação Dignitude; Associação Salvador; Câmara Municipal de Torres Vedras; Centro Social Cultural e Recreativo do Lamegal; Fundação do Gil e Instituto de Cidades e Vilas com Mobilidade.

    Seguir-se-á agora a avaliação das candidaturas por parte do Júri de seleção que é composto pelos seguintes membros: Maria Manuela Eanes, Presidente do Conselho de Curadores da Fundação Manuel António da Mota; Maria Manuela Mota, Vogal do Conselho de Administração da Mota-Engil SGPS e Presidente do Conselho de Administração da Fundação Manuel António da Mota; Maria Inês Mota Sá, Vogal do Conselho de Administração e Membro da Comissão Executiva da Fundação Manuel António da Mota; Maria Teresa Neves Costa, Vogal do Conselho de Administração da Fundação Manuel António da Mota; Padre Lino Maia, Presidente da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade (CNIS); Américo Mendes, Professor Universitário e Filipe Duarte Santos, investigador e Professor Universitário.

    O anúncio da candidatura vencedora terá lugar numa cerimónia a realizar a partir das 14h30, no Centro de Congressos da Alfândega do Porto, em data a determinar.
    Receber Notícias
 
 
Subscrever RSS  
 
Enviar por email  
 
Imprimir  
238 leituras
Cultura e Turismo
    Mão Morta estreiam filme-concerto em Famalicão
    17-09-2019
    ver mais »
    Francesinha é rainha dos Dias à Mesa
    16-09-2019
    ver mais »
    Projeto Aldeias em Festa reúne em palco “músicos” dos 9 aos 90 anos de idade
    16-09-2019
    ver mais »
    Dona Maria Beer Fest realiza-se de 19 a 22 com muita animação
    16-09-2019
    ver mais »
    Tributo a José de Azevedo e Menezes decorre na Câmara Municipal a que presidiu nos finais do século XIX
    12-09-2019
    ver mais »
    Joaquim Loureiro lança livro sobre “O Estado Totalitário”
    12-09-2019
    ver mais »
    Teatro, dança, música e muitas outras atividades invadem ruas sem carros
    11-09-2019
    ver mais »
    Festival Internacional de Órgão regressa em outubro a Famalicão
    11-09-2019
    ver mais »
    Renascimento do Teatro Narciso Ferreira traz dinamismo e centralidade a Riba de Ave
    10-09-2019
    ver mais »
    Feira de Artesanato e Gastronomia repete marca dos 200 mil visitantes
    09-09-2019
    ver mais »
    Dias à Mesa regressam a dobrar com Francesinha e Vegetariano
    03-09-2019
    ver mais »
    Mais de 30 mil pessoas nos primeiros três dias da Feira de Artesanato e Gastronomia
    02-09-2019
    ver mais »
    Biblioteca de Famalicão integra programa europeu de bibliotecas públicas
    27-08-2019
    ver mais »
    Famalicão reúne jovens músicos do concelho em estágio de orquestra jovem
    27-08-2019
    ver mais »
    Germinal traz a Famalicão mais de 40 propostas para debater a criação artística
    26-08-2019
    ver mais »
    Mais de duas dezenas de espetáculos animam Feira de Artesanato e Gastronomia
    20-08-2019
    ver mais »
 
 
TOPO
 
   
  Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão © copyright 2019 | handmade by brainhouse